AdsYeah!


Facilitando a vida a milhares de empresas, o AdsYeah! foi criado inspirando-se no conceito de DIY (ou "Faça Você Mesmo"), oferecendo toda a liberdade de criação possível.



O que é/qual é o negócio?
O AdsYeah! é a aplicação do conceito DIY – “Do It Yourself”, ou “Faça você mesmo” para a publicidade, e foi desenvolvido para que qualquer pessoa possa criar, ela mesma, a sua própria publicidade, independente do seu grau de conhecimento de comunicação, marketing, e também informática.

Basta utilizar um dos milhares de modelos e templates já criados pela nossa equipa de profissionais, e disponibilizados no site para, através de nosso editor online, montar de forma rápida, anúncios para jornais e revistas impressos, entre outros, colocando apenas os seus próprios títulos, textos, imagens ou fotos e logotipos.

Em seguida, após ter o anúncio pronto, o utilizador pode, através da plataforma, negociar diretamente com os jornais e revistas parceiras do AdsYeah! a compra de espaços para publicar o seu anúncio criado, nos dias de sua preferência.

Isso sem ser necessário conhecimento técnico, nem a instalação de softwares ou aplicativos, porque todo o sistema se encontra na Cloud.


De onde nasceu?
Os números em todo o mundo mostram que mesmo a mais de 25 anos do lançamento da internet comercial, as informações e notícias em papel possuem mais importância, relevância e credibilidade do que as em digital.

Os veículos de comunicação impressos estão a reduzir em quantidade a sua circulação como uma forma de se adaptarem à demanda do mercado atual. Alguns veículos não se adequaram ao novo momento e foram descontinuados. Reflexo de um novo mercado, e não necessariamente da prevista “morte” do impresso.

Nesse ponto, as necessidades dos jornais e revistas impressos de rentabilizar as suas edições, aproximar-se dos leitores e anunciantes, e principalmente cortar custos na captação desses pequenos e médios clientes anunciantes, têm no AdsYeah! um grande parceiro. Ele vai com qualidade e objetividade na base da economia, onde 99% das empresas são PME’s e onde a agência de publicidade não consegue ir. Torna-se então uma grande ferramenta e parceiro tecnológico nas mãos dos agentes comerciais dos jornais e revistas quando vão ofertar seus espaços ao mercado

Por outro lado, ao ver a necessidade dos pequenos e médios empresários, que não possuíam recursos financeiros para contratar os serviços de uma agência de publicidade, ou profissional de comunicação qualificado, e precisam de divulgar os seus produtos e serviços, na sua localidade e região onde os jornais e revistas impressos continuam com muita penetração e audiência.

O AdsYeah! é uma plataforma disruptiva e inovadora que já nasce para cortar custos ao tornar-se uma ponte digital entre pequenos e médios anunciantes de um lado, e jornais e revistas impressos, de outro. Trata-se de uma lógica simples em que beneficia todos os envolvidos – anunciantes, veículos de comunicação e consumidores.

Missão?
Democratizar a publicidade em jornais e revistas principalmente para as PME’s, e impulsionar o mercado impresso de comunicação social como fonte de informação credível, que como dizem os mais velhos, o impresso é a notícia que tem veracidade, e é “preto no branco”.




Financiamento?
O processo de desenvolvimento foi bastante complexo, pois sempre andamos no extremo do hardware e do software. Foi um caminho muito longo e foi muito importante termos-nos capitalizado e estar a ser totalmente financiado por nosso grupo de empresas.


Promoção?
Já fomos selecionados e estamos a participar de muitos eventos de tecnologia e inovação, não só em Portugal como as duas edições do Web Summit (2016-17), como fora do país. Estamos a fazer viagens para conhecer os novos mercados e divulgar a nossa plataforma. Em pouco tempo ganhamos prémios e incentivos, o que ajuda-nos a investir mais no produto e na divulgação.


Onde esperam chegar?
Estamos a lançar a nova versão mais aprimorada em fevereiro, e esperamos chegar ao final do ano com a presença solidificada em 3 países. Para o ano os projetos serão mais ambiciosos. Temos nossos planos, mas preferimos ouvir o mercado e deixar ele responder. Assim, aprendemos as particularidades de cada país, e aprimoramos passo a passo a nossa ferramenta, para avançarmos de forma sólida cada vez mais longe.


Como lidaram com a incerteza inicial?
Todo processo disruptivo é incerto, e por isso, para nós, muito estimulante e desafiador. Foi importante ter capital próprio para investir em equipamentos, serviços e profissionais de ponta altamente qualificados para colocar para termos finalmente essa solução que é o AdsYeah!.


Vosso maior trunfo? Ingrediente secreto?
Por ser uma plataforma que disponibiliza layouts por um custo baixo, e também gratuitos, passamos a ser um incentivador, não apenas do mercado anunciante, e de veículos de comunicação impressos, mas da microeconomia como um todo. Isso tanto nos grandes centros urbanos, como fora deles, pois nesse setor da comunicação social e marketing, quando se optimizam e reduzem custos, promovem-se mais produtos e aumenta-se a possibilidade de vender mais, de gerar mais rendimento e até mais empregos. É todo um ciclo que nasce e que se auto alimenta. E isso só é possível, pois consideramos, desde o início, o nosso mercado como global. Ou seja, a uma demanda mundial sobre isso.

Ainda não há quem faça o que fazemos com tanta qualidade e tantos aplicativos numa só plataforma. Como dissemos antes, estamos a fazer a ponte entre os pequenos negócios e o mercado de divulgação e, por consequência, o mercado consumidor geral.

O que sugerem a quem começa?
Estudar o mercado demasiado e preparar-se. Acreditar em si para ser inovador e procurar ser disruptivo.

Qual o melhor conselho profissional que já recebeu?
Perseverar sempre!

Mais informações em AdsYeah!.

Guias Práticos

Ideias e guias sobre tudo o que precisa de saber para criar um negócio

Saber mais

Tendências

Atualidade e inovação: o que está a mudar no empreendedorismo

Saber mais

Notícias

Últimas novidades sobre o universo do Empreendedorismo

Saber mais

Guias Fiscais

Datas de entregas de documentos e obrigações de pagamento de impostos

Saber mais