Wip Games


Se não passa sem um bom jogo de telemóvel, é provável que já se tenha cruzado com um produto da WIP Games, uma startup portuguesa dedicada à criação exclusiva de entretenimento digital.

 

 

O que é/qual é o negócio?

Somos a WIP Games, uma equipa de 2 pessoas formada em 2014 com o objetivo de fazer jogos digitais para plataformas móveis e PC. Desde que iniciamos o nosso projeto conseguimos publicar dois jogos na Google Play eApp Store para as plataformas móveis Android e iOS.

O nosso primeiro jogo foi o Idle Town, com um tempo de produção de 6 meses (durante a licenciatura), publicado em Maio de 2015, conta com mais de 450.000 downloads em todo o mundo, foi também premiado em 2016 com o prémio de 3ª melhor gaming app na Aptoide Awards no âmbito do evento WebSummit.

Depois de termos aprendido bastante durante o processo de criação do Idle Town, e após termos continuado a melhorá-lo, começamos a desenvolver o nosso segundo jogo chamado Fusion Masters. O Fusion Masters, cuja duração de produção foi de 6 meses, foi publicado em Setembro de 2016 e alcançou desde então 250.000downloads em todo o mundo.

O nosso modelo de negócio é o modelo Freemium, isto é, os jogos são gratuitos mas contêm publicidade e compras opcionais para os jogadores obterem benefícios.

 

De onde nasceu?

A WIP Games nasceu da vontade e paixão pela criação de videojogos. Na altura, éramos dois jovens universitários que criaram dois jogos para dispositivos móveis que vingaram num mercado de milhões de aplicações, sem qualquer financiamento.

Os membros da equipa, Joel Belo, programador, licenciado em Engenharia da Computação Gráfica e Multimédia pelo IPVC, e João Jacinto, artista/designer, licenciado em Engenharia e Desenvolvimento de Jogos Digitais pelo IPCA. Começámos este projeto durante as nossas licenciaturas, com o intuito de perseguirmos a nossa paixão pela criação de jogos e, apesar de estarmos em cidades distintas, desenvolvemos jogos através da internet, via Skype ou Facebook, após os horários escolares e paralelamente aos projetos de universidade.

 

Missão?

O nosso objetivo é continuar a desenvolver outros jogos e escala-los de modo a estes se tornarem sustentáveis e assim fazer crescer a nossa equipa.

 

Financiamento?

Como já referimos anteriormente, todo o processo até ao momento foi desenvolvido sem qualquer tipo de financiamento. Utilizamos o nosso próprio dinheiro e desenvolvemos os jogos apenas online, não necessitando assim de ter outros tipos de custos associados.

 

Promoção?

No que toca à promoção dos jogos, durante o seu período de lançamento, havia sempre um receio uma vez que não tínhamos qualquer tipo de financiamento e, por isso, não haviam fundos para investir em marketing. Procuramos estabelecer contacto com pessoas responsáveis por diversos sites de jogos e canais do youtube para que estes divulgassem os nossos jogos.

Esta tarefa nem sempre foi fácil, mas com algum esforço conseguimos que os nossos jogos aparecessem em alguns sítios e assim fomos crescendo.

 

Onde esperam chegar?

Como jovens que somos temos ambições e sonhos que pretendemos alcançar. Vamos continuar a lutar para fazer cada vez jogos melhores, e alcançar o máximo número de jogadores possível.

 

Como lidaram com a incerteza inicial?

Inicialmente a dúvida não era algo que nos preocupava, porque desenvolvemos os jogos pelo gosto de o fazer. Não esperávamos que houvesse uma receção tão positiva quando lançámos o nosso primeiro jogo, depois de ultrapassados os desafios iniciais deste lançamento, percebemos que com muito poucos recursos e muita vontade poderíamos tornar pequenas ideias em projetos muito interessantes, tendo em conta a nossas restrições técnicas e alguma análise de mercado.

 

Vosso maior trunfo? Ingrediente secreto?

A nossa paixão pela área e sentido de perfeccionismo. Queremos sempre dar o nosso melhor e nunca lançamos jogos que não achemos que os jogadores não vão gostar. Já houveram situações em que tivemos que “terminar” projetos porque simplesmente não sentíamos que fossem resultar mediante o mercado para que estava direcionado. Queremos inovar, por isso, um dos segredos é criar algo refrescante e original, de maneira a surpreender os nossos jogadores.

 

O que sugerem a quem começa?

Iniciar com um projeto pequeno, é a melhor maneira de começar. Estabelecer objetivos a curto e a longo prazo. Ouvir o que os jogadores (clientes) querem, e tentar proporcionar experiências que eles próprios gostariam. Durante o desenvolvimento, trabalhar com pessoas de áreas diferentes pode acrescentar valor ao projeto.

 

Qual o melhor conselho profissional que já recebeu?

Networking. Angariar contactos, criar uma rede de contactos que podem ajudar na divulgação dos projetos tal como conhecer novas pessoas dentro da área que te poderão ensinar novos métodos e técnicas de desenvolvimento de jogos.

 

Mais informações na Página de Facebook da Wip Games.

 

 

Guias Práticos

Ideias e guias sobre tudo o que precisa de saber para criar um negócio

Saber mais

Tendências

Atualidade e inovação: o que está a mudar no empreendedorismo

Saber mais

Notícias

Últimas novidades sobre o universo do Empreendedorismo

Saber mais

Guias Fiscais

Datas de entregas de documentos e obrigações de pagamento de impostos

Saber mais