Empreendedorismo

Como rentabilizar os seus Capitais Próprios


Este artigo surge no seguimento do que foi publicado anteriormente, acerca da rentabilidade dos ativos de uma empresa, debruçando-se sobre o ROE (Return on Equity) – o rácio de rentabilidade que permite saber qual a percentagem em que os capitais investidos pelos donos das empresas influenciam o lucro das mesmas.

 

Assim sendo, este rácio transmite informações importantes, com especial interesse para os donos/sócios de um negócio, já que é com base num ROEelevado e sustentado que se torna mais possível captar investidores para um negócio.

 

A fórmula, de máxima importância para o gestor de um negócio, é simples e de rápida aplicação, pois relaciona o lucro da empresa e a sua situação líquida (diferença entre o Ativo e o Passivo), da seguinte forma:

 

Tomando o exemplo de um restaurante que tem um lucro (L) de 60.000 euros anuais, com uma situação líquida (SL) fixada nos 1000 euros, ficamos a saber que o mesmo tem um ROE de 60%. O que significa esta percentagem? Significa que por cada 1000 euros de capital próprio, o restaurante gera 600 euros de lucro anual. Consequentemente, o restaurante tem um elevado potencial de crescimento e de criar valor acrescentado, com argumentos para captar mais investimento.

 

 

ARTIGOS RELACIONADOS

Capitais Próprios

Rácio de Solvabilidade

 

 

 

Guias Teóricos

Ideias e guias sobre tudo o que precisa de saber para criar um negócio

Saber mais

Casos de sucesso

Empreendedores de sucesso explicam como nasceram os seus negócios

Saber mais

Agenda

Eventos na área do Empreendedorismo

Saber mais

Guias Fiscais

Datas de entregas de documentos e obrigações de pagamento de impostos

Saber mais