A importância do nicho nas pequenas empresas


Já foi uma tendência muito comum do mercado: as lojas onde era possível adquirir tudo, oferecendo uma grande variedade de produtos para as mais diversas necessidades. Esse modelo fazia todo o sentido quando havia grande dificuldade em ter acesso aos grandes fornecedores... no entanto, com a Internet e a Globalização, na esmagadora maioria dos casos, é uma realidade que simplesmente já não existe.

 

Subitamente, ter um espaço que oferece tudo para todos já não era uma vantagem competitiva, mas atingir um nicho, com ofertas de produtos específicos para grupos particulares do mercado tornou-se uma alternativa muito mais viável.

 

Certamente que os mercados de nicho sempre existiram, mas com o desenvolvimento da internet, tornou-se rapidamente o modelo a seguir e “encontrar o seu nicho” tornou-se essencialmente uma obrigatoriedade de negócio.

 

As vantagens são imensas: quando serve um nicho é considerado pelos seus potenciais clientes como um especialista – e isto significa que, à partida, terão mais confiança em escolher o seu produto do que um generalista. E porque normalmente o consumidor prefere um especialista do que um generalista quando procura qualidade, a verdade é que também não se importa de pagar um pouco mais por essa diferença. Seguindo a corrente, esses preços mais altos geram mais lucro tornando os negócios de nicho melhores negócios de lifestyle, particularmente porque são geridos à volta de interesses específicos do empreendedor, o que torna a experiência do empreendedorismo infinitamente mais recompensadora.

 

Também no universo online servir um nicho pode ter muitas vantagens. Se se focar numa linha restrita de produtos ao invés de seguir um fluxo generalista, o Google e os outros motores de busca vão reconhecer os seus conteúdos e ofertas como “autoridades” no tema e vão coloca-lo num ranking mais elevado dentro da sua categoria.

 

Inevitavelmente, um novo empreendedor vai ter receio de “balizar” o seu negócio e reduzir a sua potencial base de clientes... mas é disso mesmo que trata o nicho. Na verdade, com uma abordagem mais generalista poderá ter, de facto, mais clientes, mas a probabilidade de cada um deles comprar os seus produtos é muito menor. No nicho terá menos clientes mas a probabilidade de os seus clientes comprarem a si (e serem-lhe fiéis) é muitíssimo elevada.

 

ARTIGOS RELACIONADOS

Nicho de Mercado

 

Casos de sucesso

Empreendedores de sucesso explicam como nasceram os seus negócios

Saber mais

Guias Práticos

Ideias e guias sobre tudo o que precisa de saber para criar um negócio

Saber mais

Guias Fiscais

Datas de entregas de documentos e obrigações de pagamento de impostos

Saber mais

Notícias e Eventos

Últimas novidades sobre o universo do Empreendedorismo

Saber mais