Transforme cumprimentos casuais em oportunidades de negócio


No mundo do empreendedorismo o aperto de mão é um dos gestos mais comuns que irá encontrar mas sabia que este é muito mais do que um cumprimento? Afinal, a primeira impressão é a que conta e apresentar-se da forma errada pode vir a ter um impacto negativo na sua carreira, por isso, descubra como aproveitar este momento para mostrar o seu melhor lado.


Levante-se

Se se encontra sentado, numa mesa de restaurante ou na sala de entrevistas por exemplo, levante-se para cumprimentar a pessoa. Este gesto pode parecer inútil mas mostra interesse pela outra pessoa, revelando que o vê como um igual ou superior.


Faça contato visual

Olhar para os sapatos, para a roupa ou para as mãos dá uma impressão de que está a analisar a pessoa pela sua riqueza, transmitindo um sentimento de repúdio. Quando cumprimenta alguém, especialmente pela primeira vez, olhe para a cara da outra pessoa.


Sorria

Quem não gosta de um bom sorriso. Seja quando vamos reclamar a uma loja, comprar um bilhete ou fazer as compras domésticas é sempre bom encontrarmos alguém do outro lado com um sorriso. Este gesto transmite empatia e simpatia, revelando que você é uma pessoa amável e de confiança.


Seja o primeiro a dar a mão

Oferecer a mão para o comum aperto de mão revela confiança e assertividade, dois aspetos importantes no mundo do empreendedorismo, especialmente se estiver a conhecer alguém numa posição acima da sua, para além de demonstrar interesse nele.


Introduza-se

Caso não tenha sido apresentado é importante introduzir-se à pessoa que está a cumprimentar, dando-lhe o seu nome e posição profissional. Se você estiver numa posição em que deve servir a outra pessoa, não se esqueça de perguntar no fim “em que posso ajudá-lo”.


Hierarquia

Se está perante um grupo de executivos tente compreender qual a hierarquia devida. Normalmente deve cumprimentar as pessoas por ordem de importância - do indivíduo com o maior cargo para o menor. De igual modo, se for apresentar alguém, claro, introduza-o igualmente por ordem de importância - não se vai apresentar primeiro ao chefe de vendas e só depois ao presidente da empresa, não é mesmo?


Lembre-se dos nomes

Se já souber o nome de quem cumprimenta ganha logo um ponto em iniciativa. Ao cumprimentar o outro acrescente o seu nome imediatamente para que este saiba que foi reconhecido. Mostra apreciação e boa educação. Se o nome lhe era estranho, tente lembrar-se dele e se acontecer ser um nome com o qual não está familiarizado não há problema em tentar repeti-lo até ter a sua pronúncia correta - o grave é mais tarde dizer o nome erradamente, mostrando desinteresse e até desrespeito em casos mais delicados.


Utilize a sua linguagem corporal e a sua educação para transformar momentos casuais em mostras da sua capacidade e do seu interesse. Aprenda com os seus colegas mais velhos e dê uma mãozinha aos mais novos, demonstrando qual a forma ideal de cumprimentar colegas de trabalho, chefias, clientes ou parceiros importantes.


OUTROS ARTIGOS:

Aceite a tecnologia como a sua assistente do futuro

Não se arrisque a perder aquele colaborador importante


Casos de sucesso

Empreendedores de sucesso explicam como nasceram os seus negócios

Saber mais

Guias Práticos

Ideias e guias sobre tudo o que precisa de saber para criar um negócio

Saber mais

Guias Fiscais

Datas de entregas de documentos e obrigações de pagamento de impostos

Saber mais

Notícias e Eventos

Últimas novidades sobre o universo do Empreendedorismo

Saber mais