Business Angels: 10 coisas que deve saber


Os Business Angels são pessoas que podem ser a solução para o arranque de uma startup, investindo monetariamente no negócio, e fornecendo também know-how em gestão e estratégia e o seu networking, para que o empreendedor encontre parceiros e clientes.


LEIA TAMBÉM: Como lidar com as distrações normais de um escritório


Mas antes de disponibilizarem a sua ajuda, os Business Angels têm de ser convencidos pelos empreendedores. Saiba no que é que eles estão interessados, os erros que não deve cometer e as vantagens que o esperam, caso estes decidam investir no seu projeto.


O que convence um Business Angel?

Equipa sólida: os Business Angels investem em pessoas. Se o projeto integrar pessoas de diversas áreas, com alguma experiência de trabalho em conjunto e que demonstrem proatividade e confiança, então está dado um dos primeiros passos rumo à ajuda para o arranque do negócio.


Negócio escalável: Se a visão do empreendedor se limitar ao mercado nacional, então mais vale procurar investimento noutro lugar. Este tipo de investidores olham para negócios com um grande potencial de crescimento e capacidade de internacionalização.


Clareza na oportunidade de mercado: O negócio deve explorar uma ideia que não seja rapidamente imitável, de forma a que o Business Angel saiba que irá receber dividendos do seu investimento.


O que os afasta?

Sobrevalorização o projeto:  Não se convença que o seu negócio vale mais do que efetivamente vale.


Ausência de estratégia: A área geográfica em que pretende atuar, as indústrias e os segmentos nos quais operarão os seus produtos/serviços devem vir claramente identificados no plano de negócios.


Dar mais importância à tecnologia do que ao mercado: A valorização da tecnologia deve surgir da descoberta de uma necessidade de mercado e não o inverso.


Falta de preparação no pitch: Mentalize-se que tem de apresentar a sua ideia em poucos minutos - tem de saber resumir o seu projeto, mostrar que o conhece até ao mínimo detalhe e persuadir o Business Angel de que a sua ideia é a inovação que o futuro precisa. Caso vacile, ou não transpareça confiança naquilo que diz, então é provável que a reunião não lhe corra bem.


Equipa desequilibrada: os Business Angels não investem em projetos que tenham falta de recursos humanos em áreas chave do negócio, daí que a máxima organização do empreendedor neste campo seja crucial.


LEIA TAMBÉM: Produtividade: Vantagens de resolver problemas em equipa


O que um Business Angel nunca lhe vai pedir?

Desconfie de qualquer investidor que se apresente como Business Angel e lhe pede o seguinte:


Garantias e cláusulas de exclusividade: Um Business Angel deseja ter um rápido retorno no seu investimento, logo a assinatura de cláusulas iriam deixar o empreendedor de “mãos atadas” para aceder a outras formas de financiamento.


Salários: O apoio que os Business Angels dão a um projeto materializa-se na noção de que estão preparados para perder dinheiro inicialmente, caso seja necessário, não fazendo sentido quererem receber honorários. Quando a empresa começar a lucrar, começarão também a surgir os seus dividendos.


Casos de sucesso

Empreendedores de sucesso explicam como nasceram os seus negócios

Saber mais

Tendências

Atualidade e inovação: o que está a mudar no empreendedorismo

Saber mais

Guias Fiscais

Datas de entregas de documentos e obrigações de pagamento de impostos

Saber mais

Notícias

Últimas novidades sobre o universo do Empreendedorismo

Saber mais