Do Chrome ao Safari: Qual o melhor browser para o seu trabalho?


Se tem a possibilidade de escolher o seu browser de eleição este pequeno guia é para si. As opções são muitas e vão para além do Safari e do Edge, os softwares que vêm instalados de fábrica no macOS e no Windows. Ainda que estes programas sejam bons, deve conhecer as vantagens dos mais usados, certificando-se que se adaptam às suas necessidades específicas, tanto de trabalho quanto de hardware.


LEIA TAMBÉM: Produtividade: Como saber se está na hora de mudar de computador


Google Chrome

O conhecido “rei dos browsers” é sem dúvida o mais usado, tanto por usuários casuais como por profissionais. A principal grande vantagem é a sua compatibilidade com a maioria dos websites, e o facto de lhe permitir sincronizar a sua conta Google por vários dispositivos. Além disso, é também o browser mais rápido apesar de vir com uma contrapartida - o uso excessivo de RAM que pode tornar o computador lento. Outro aspecto a ter em conta, é que a Google se está a preparar para bloquear o acesso a adblockers e que o browser não possui nenhum VPN incorporado, apesar da marca se preocupar com a cibersegurança dos usuários.


Mozilla Firefox

A Mozilla Foundation é uma organização sem fins lucrativos e open source que trabalha com um vasto grupo de developers para trazer segurança e novidades ao browser. Uma das vantagens é a sua extensão Multi-Account Containers, que permite o acesso a vários logins. Isto significa que se quiser entrar num website com a conta A e com a conta B, não tem de fazer logout ou entrar numa janela anónima, bastando ativar o user que pretende. Outro aspecto positivo é a existência de um VPN incorporado (um serviço extra), bem como a possibilidade de transmitir conteúdo do seu browser no computador para o browser do smartphone de forma simples e prática.


Opera

É verdade que é um dos programas menos usados do mundo mas a sua falta de popularidade não reflete uma falta de qualidade, pelo contrário. Além de ter sido o primeiro a adicionar proteção para o minério de criptomoedas, inclui também um VPN gratuito incorporado, rápido e fácil de usar. À semelhança do Chrome, ele é compatível com a grande maioria dos websites e é leve, não pesando demasiado no seu computador.


Edge e Safari

Pioneiros do seu tempo, estes dois softwares vêm pré-instalados no Windows e no macOS, sendo dos browsers mais usados por essa razão. Infelizmente, ambos sofrem de problemas de compatibilidade e de velocidade, levando muitos usuários a procurarem alternativas. Contudo, nem tudo é negativo. Se tem uma preferência por dispositivos Apple, a sincronização entre aparelhos permitida pelo Safari irá facilitar a sua vida e, no caso do Edge, a grande novidade é a The Collections, uma sidebar para onde pode arrastar imagens, textos e links, criando um bloco de notas de rápido acesso.


Lembre-se que se usa a internet para trabalhar, o browser que escolhe irá ter um impacto na sua produtividade, por isso, não se limite a optar pelo que vem previamente instalado ou por aquilo que todos usam, refletindo sobre as vantagens de cada um e qual o melhor que se adapta ao que procura.


Keywords: Browser, Chrome, Safari, Opera, Mozilla Firefox, Computador, NOS Empresas, CUE, Criar uma Empresa, Empreendedor, Empreendedorismo


Casos de sucesso

Empreendedores de sucesso explicam como nasceram os seus negócios

Saber mais

Tendências

Atualidade e inovação: o que está a mudar no empreendedorismo

Saber mais

Guias Fiscais

Datas de entregas de documentos e obrigações de pagamento de impostos

Saber mais

Notícias

Últimas novidades sobre o universo do Empreendedorismo

Saber mais