Finanças: Como melhorar a sua situação económica em 2021


2020 foi um ano de grandes desafios mas a vacinação iminente não será uma solução para os problemas de centenas e milhares de empresas que viram a sua situação financeira complicar-se devido ao fecho obrigatório e à diminuição do poder de compra da população em geral. Com fim a minimizar o impacto que terá em 2021, trazemos algumas dicas de como melhorar a economia do seu negócio.


LEIA TAMBÉM: Contabilidade: Dicas para freelancers e empreendedores a solo


Crie um orçamento mensal pouco flexível

Aponte num papel todas as despesas fixas que terá em determinado mês e adicione as extra que terá em específico. Isto irá dar-lhe um valor, um orçamento de que irá precisar. Assim, pode olhar para a receita esperada e perceber se é suficiente para cobrir a despesa. Se obter excedente, poupe-o num “pé de meia” que o possa salvar de uma nova crise.


Deixe de lado despesas não necessárias

Oferecer café a quem o visita é um gesto amigável mas custoso. Decorar a loja com várias luzes de natal torna o ambiente interessante mas aumenta-lhe a conta da luz. Olhe em redor para despesas dispensáveis que possa estar a ter. Não é necessariamente um caminho sem retorno, porém, pode ser o suficiente para organizar as contas do negócio, retornando-o ao lucro.


Não adquira produtos com o coração

Comprar uma decoração, uma almofada para o sofá, uma televisão ou até um novo computador são positivos quando tem os fundos. Não adquira bens apenas porque gostou deles e ficou entusiasmado com a ideia de os possuir e de levar para a loja, pois o valor que dá por eles pode ser o suficiente para regularizar as contas, investir em elementos que de facto fazem falta, ou criar o tal “pé de meia” de segurança.


Não se atrase a pagar empréstimos e outras mensalidades

O atraso no pagamento de despesas mensais (luz, internet, etc), bem como empréstimos, podem levar ao aumento do valor devido a taxas adicionais. Priorize as dívidas e tenha a certeza de que não tem de investir mais do que estritamente necessário para as saldar, direcionando os fundos que sobram para material, promoções, entre outros.


Procure novas fontes de rendimento

Depender de uma fonte de receita não é ideal, deixando-o desprotegido durante uma crise repentina como a que vivemos hoje em dia. Por exemplo, vender os seus produtos apenas por uma loja física, leva-o a perder rendimento quando esta tem de fechar. Idealmente deve abrir uma loja online num website profissional, explorar plataformas de venda como as oferecidas pelo Facebook, ou até disponibilizar-se para fazer as entregas aos clientes.


LEIA TAMBÉM: Erros inconscientes que prejudicam as pequenas empresas


Finanças equilibradas são importantes para conseguir sobreviver aos próximos meses e aos grandes desafios que ainda estão pela frente. Nada garante que o confinamento não regresse, bem como obstáculos novos e não esperados. Por outro lado, conseguir organizar a economia do seu negócio, permite-lhe juntar para investir em algo que o leve a crescer.


Keywords: NOS Empresas, CUE, Criar uma Empresa, Empreendedor, Empreendedorismo


Casos de sucesso

Empreendedores de sucesso explicam como nasceram os seus negócios

Saber mais

Tendências

Atualidade e inovação: o que está a mudar no empreendedorismo

Saber mais

Guias Fiscais

Datas de entregas de documentos e obrigações de pagamento de impostos

Saber mais

Notícias

Últimas novidades sobre o universo do Empreendedorismo

Saber mais