Formas simples de combater a procrastinação


Procrastinação, o grande mal de todos os empreendedores. Por muito que goste do que faz, é impossível estar realmente motivado 24 horas por dia, 7 dias por semana, todo o ano. O problema? Você pode não ter vontade de trabalhar mas o trabalho não vai a lugar nenhum e irá somente acumular-se. Por isso, apresentamos mais algumas dicas de como combater este mal inevitável.


Não dispense a “to-do list”

Ter uma lista de tarefas ordenada da mais importante à menos importante é fundamental pois assim que terminar uma tarefa não terá de passar por um “limbo” para refletir sobre o que deve fazer a seguir. Este tempo poderá levá-lo a distrair-se e a decidir ir beber um café ou a cair no buraco negro das redes sociais. Com uma lista, preparada no dia anterior ou durante a manhã do dia, irá ajudá-lo a terminar algo e a começar de seguida a próxima tarefa.


Use os momentos de preguiça para realizar pequenas tarefas

Conferir se recebeu novos emails, responder a um colega, imprimir um relatório, ou fazer uma chamada breve são tarefas curtas e simples de fazer que pode executar quando se sente menos motivado. Ao não pedirem demasiado de si, não o irão incomodar mas, ao mesmo tempo, o trabalho não se irá acumular. Use estes casos como uma espécie de descanso mental e físico.


Não tente fazer duas coisas ao mesmo tempo

Está a escrever um relatório quando recebe um email. Muitos profissionais tendem a parar o que estão a fazer para conferir se o email é importante. Quando regressam à tarefa original perderam a sua concentração, demorando mais tempo a terminá-la, e isto se não perceberam que estão no mesmo documento há duas horas, fazendo surgir a tal vontade de procrastinar pela sensação de “já ter trabalhado o suficiente”. O seu cérebro demora algum tempo a concentrar-se, contudo, distrai-se facilmente. Por esta razão, evite começar uma segunda tarefa enquanto não termina a primeira, garantindo atenção total em ambas.


Começar com o intuito de parar alguns minutos depois

Se já se encontra na fase da desmotivação então pode usar outro truque para enganar o seu cérebro: fazer somente um pouco. Tem de terminar o tal relatório que parou a meio? Decida escrever somente mais um parágrafo e depois fazer uma pausa. Esta pequena mentira que diz a si mesmo irá na maioria das vezes levá-lo a concentrar-se novamente e, quando perceber, já terminou.


Recompensar-se com trabalho

Outra excelente forma de combater a procrastinação é “ceder” a ela. Se tiver na sua agenda uma tarefa de que gosta, passe-a à frente das outras. Ela servirá como um “entretém” que irá descansar o seu cérebro, como se fosse uma pausa para café ou para ver as redes sociais, pois ele não irá entendê-la como “trabalho” mas como um “passatempo”.


Procrastinar é completamente normal e uma necessidade física proveniente do stress do dia-a-dia ou de tarefas que requerem muito de si. Não se pressione demasiado e aprenda a perceber quando precisa de um descanso, mesmo que este seja com trabalho. Para além disso, evite “tempos mortos” que proporcionem o aparecimento deste sentimento tão odiado por todos os profissionais.


OUTROS ARTIGOS:

A melhor etiqueta para e-mails de trabalho

Transmita boa impressão desde o primeiro contacto


Casos de sucesso

Empreendedores de sucesso explicam como nasceram os seus negócios

Saber mais

Tendências

Atualidade e inovação: o que está a mudar no empreendedorismo

Saber mais

Guias Fiscais

Datas de entregas de documentos e obrigações de pagamento de impostos

Saber mais

Notícias

Últimas novidades sobre o universo do Empreendedorismo

Saber mais