Trabalho Remoto: O que fazer quando incorpora profissionais remotos na empresa


Optar por contratar trabalhadores remotos tem as suas vantagens pois consegue encontrar o talento e a cultura que pretende independentemente da cidade ou até do país de origem do profissional. Contudo, se até agora manteve uma equipa tradicional, deve ter em consideração alguns elementos antes de dar este passo.


LEIA TAMBÉM: Trabalho Remoto: Como lutar contra as suas principais desvantagens


Pense bem em como será feita a comunicação

Entre as plataformas mais usadas estão o e-mail, o Messenger, o Whatsapp, ou as redes profissionais como as oferecidas pelo Office 365. No entanto, deve evitar que a comunicação seja feita aleatoriamente por todas elas. Defina concretamente quais as plataformas que devem ser usadas para que tipo de informação, evitando que esta se perca.


Incentive a comunicação com a equipa

Uma cultura saudável pressupõe que a equipa comunique regularmente não apenas sobre os avanços nos seus projetos como sobre assuntos do quotidiano, fortalecendo a sua ligação e garantindo que existe à vontade para pedir ajuda ou para apontar problemas sempre que necessário. Ora, enquanto num escritório este processo é natural, quando se fala de trabalho remoto é preciso criarem-se espaços para este fim, um grupo nas redes sociais, por exemplo.


Incentive ou organize um plano de trabalho

Uma das vantagens de se trabalhar remotamente é o facto de não ter a necessidade de seguir um horário de trabalho fixo, contudo, o que pretende do profissional pode requerer que este esteja disponível em determinado horário Por exemplo, se ele trabalhar maioritariamente durante a noite, você não conseguirá contactá-lo durante o dia. Tenha estes aspectos em conta e deixe claro desde uma fase inicial de que pretende que ele esteja ativo pelo menos das X às X horas.


Reveja os processos de segurança usados pelo profissional

Este ponto é muito importante pois as pequenas empresas são sempre as mais afetadas por problemas de segurança, incluindo malware e ransomware. Quando falar com o profissional, confirme qual o antivírus que ele usa, qual o seu estado (gratuito ou pago) e qual a forma como guarda passwords importantes como os acessos às redes sociais ou ao website da empresa. Saiba também dar algumas dicas sempre que necessário.


O modo de trabalhar de um profissional que esteja no escritório e de um que esteja em casa é relativamente diferente e não se pode esquecer disso, evitando optar por uma escolha que não é a mais acertada para a sua empresa.


LEIA TAMBÉM: Produtividade: Como melhorar as suas segundas


Keywords: Trabalho Remoto, Messenger, Office 355, Whatsapp, NOS Empresas, CUE, Criar uma Empresa, Empreendedor, Empreendedorismo


Casos de sucesso

Empreendedores de sucesso explicam como nasceram os seus negócios

Saber mais

Tendências

Atualidade e inovação: o que está a mudar no empreendedorismo

Saber mais

Guias Fiscais

Datas de entregas de documentos e obrigações de pagamento de impostos

Saber mais

Notícias

Últimas novidades sobre o universo do Empreendedorismo

Saber mais