Empreendedorismo

Barreiras à Entrada e à Saída


As barreiras à entrada constituem o conjunto de fatores que dificultam o início de atuação de uma empresa num determinado segmento ou mercado.

 

As principais barreiras à entrada são:

- financeiras (custos iniciais elevados);

- técnicas (bens/serviços que requerem demasiados conhecimentos específicos);

- legais (patentes, licenciamento, fiscalização governamental).

 

Por outro lado, o termo “barreiras à saída” refere-se a obstáculos de ordem económica, estratégica ou emocional que potencialmente impedem uma empresa de abandonar um setor de mercado ou indústria, mesmo que obtenha uma rentabilidade baixa ou até negativa.

 

As principais causas de barreiras à saída são:

- ativos especializados (com baixo valor de liquidação ou elevados custos de conversão ou transferência);
- custos fixos de saída (incluem, por exemplo, indemnizações);

- relações estratégicas (com outros negócios da empresa, em termos de imagem, marketing, acesso ao mercado de capitais);

- barreiras emocionais (identificação com o negócio, lealdade, medo, orgulho);

- restrições de ordem social ou governamental.

 

 

ARTIGOS RELACIONADOS

Cinco Forças de Porter

Rivalidade entre Concorrentes

Ameaça de Novos Concorrentes

 

Guias Práticos

Ideias e guias sobre tudo o que precisa de saber para criar um negócio

Saber mais

Casos de sucesso

Empreendedores de sucesso explicam como nasceram os seus negócios

Saber mais

Agenda

Eventos na área do Empreendedorismo

Saber mais

Guias Fiscais

Datas de entregas de documentos e obrigações de pagamento de impostos

Saber mais