Occidens


Chamar a atenção para Portugal e para os produtos portugueses é uma aposta que tem voltado a ganhar forma, uma vez que o nosso país está cada vez mais na moda. A Occidens aposta na comunicação do azeite extra virgem biológico – mas não vai ficar por aí, e Carlos Graça e Nuno Pedrosa explicam como.

 

 

O que é/qual é o negócio?

CG: A Occidens é uma marca foi criada para identificar uma gama de produtos alimentares portugueses de alta qualidade identificando-os com o ocidente geográfico da Europa. O nosso negócio começou pelo azeite extra virgem biológico de Trás-os-Montes mas pretendemos alargar a gama de produtos brevemente com mais produtos produzidos no nosso país.


De onde nasceu?

NP: Nasceu da ideia de colocar as nossas competências comerciais ao serviço dos consumidores por forma a proporcionar uma experiencia única e exclusiva. O Carlos e eu somos comerciais, gostamos de vender bons produtos e os nossos lavradores têm muita oferta de qualidade. Queremos ajudar a fazer o mach entre os produtores e os consumidores mais exigentes!


Missão?

CG: ajudar os lavradores portugueses a colocar no mercado o melhor da sua produção de um modo sustentável e rentável para toda a cadeia de valor e de forma a que os consumidores mais exigentes possam sentir-se satisfeitos.


Financiamento?
NP: desde o início, a Occidens foi financiada com as nossas poupanças. Só capital próprio e sem passivo. Representa um enorme esforço pessoal para o qual não existem benefícios fiscais em sede de IRS. Por forma a assegurar a sustentabilidade do projeto, vamos tentar manter esta filosofia…

 

Promoção?

CG: Sendo uma micro empresa e um pequeno negócio não temos meios para investir da forma mais comum. Baseamos a comunicação one to one e no teste de produto como forma de o divulgarmos. De facto, baseamos a promoção na comunicação cliente a cliente.


Onde esperam chegar?

NP: a nossa ambição é criar uma marca forte que identifique produtos alimentares da maior qualidade e que permitam ter uma empresa financeiramente solida e fortemente internacionalizada.


Como lidaram com a incerteza inicial?
CG: ainda estamos a lidar!! Todos os dias temos feedback dos clientes ou compradores que nos ajudam a melhorar e progredir. Desde o início focamos nosso produto na alta qualidade de todos os ingredientes por forma a ser uma oferta consistente e credível para o consumidor final.

 

Vosso maior trunfo? Ingrediente secreto?
NP: o gosto de servir bem o cliente e de provar sabores autênticos e surpreendentes!

 

O que sugerem a quem começa?
CG: preparar-se muito bem: estudar todas as envolventes do negócio. Ouvir os mais experientes.  Depois de iniciar a atividade é muito difícil ter tempo para parar e analisar os dados. Entra-se numa fase operacional decisiva e muito absorvente.


Qual o melhor conselho profissional que já recebeu?
NP: não esperar muito pelos outros.

 

Mais informações em occidens.pt.

 

 

Guias Práticos

Ideias e guias sobre tudo o que precisa de saber para criar um negócio

Saber mais

Guias Teóricos

Noções teóricas imprescindíveis para o arranque e gestão do seu negócio​

Saber mais

Agenda

Eventos na área do empreendedorismo

Saber mais

Notícias

Últimas novidades sobre o universo do Empreendedorismo

Saber mais