Elevator Pitch: Razões que prejudicam a partilha da sua ideia


O conceito de “elevator pitch” tornou-se bastante popular lá fora e começa agora a chegar a território nacional. Claro, este termo não deve ser levado à letra pois não se espera que realmente venda uma ideia no tempo de ir de um andar para o outro de elevador, isso nem é aconselhável na maioria dos casos. No entanto, a ideia de ter de partilhar e vender uma ideia num curto espaço de tempo pode ajudá-lo a compreender melhor qual o seu projeto, ao mesmo tempo que o ensina a comunicar de forma eficaz com o outro, auxiliando na hora de pedir um crédito ou outro investimento. Quando não é capaz de levar a cabo um bom “elevator pitch” é hora de perceber quais os seus pontos fracos.


LEIA TAMBÉM: Elevator Pitch: Como vender a sua ideia eficazmente


Não percebe o conceito de elevator pitch

O primeiro problema que muitos empreendedores encontram é o facto de não compreenderem completamente o conceito de elevator pitch. Este encontro não é um briefing e é suposto ser o mais conciso possível, podendo ser executado no intervalo de uma reunião, enquanto a pessoa espera pelo elevador, ou enquanto está numa fila para almoço. O discurso deve ter apenas alguns minutos de duração.


A ideia (ou a explicação) não é original

Se o seu produto é mais um igual a outros, o seu pitch irá tornar-se rapidamente repetitivo, perdendo o interesse de quem o ouve. Se aquilo que oferece não é original, pense numa forma criativa de o apresentar como tal, mostrando uma nova perspetiva ou um novo uso.


O discurso é demasiado vago

Encontrar uma forma rápida e eficaz de explicar o seu produto pode não ser fácil mas uma descrição demasiado vaga não será capaz de captar a importância do mesmo. Foque-se nos pontos-chave do que fazem o seu produto único. Quando é incapaz de o fazer, pode estar na altura de reavaliar o projeto pois a sua visão pode não ser a mais clara. Conheça bem o que pretende vender.


O discurso é claramente ensaiado

Escrever o discurso e ensaiar não é uma má ideia especialmente nas primeiras vezes, tornando-se numa ajuda preciosa contra o nervosismo. Contudo, muitas vezes percebemos quando o outro nos apresenta algo ensaiado, destruindo a naturalidade do encontro. Por outro lado, se o outro perceber que o diálogo não é natural, poderá questionar-se até que ponto conhece realmente o projeto, afinal, você deverá conseguir falar dele sem um texto previamente escrito, possivelmente por um assistente ou amigo.


LEIA TAMBÉM: Empreendedorismo: Como abrir um negócio (How to)


Acredite no seu projeto. Ao conhecê-lo verdadeiramente, será mais fácil partilhá-lo com o outro e conseguir os apoios que deseja. Reflita sobre o que torna o seu produto ou serviço únicos e em que se diferencia a sua empresa. Porque deve o outro investir em si e não na concorrência?


Keyword: Elevator Pitch, Empreendedorismo, Empreendedor, NOS Empresas, CUE, Criar uma Empresa, Investimento


Casos de sucesso

Empreendedores de sucesso explicam como nasceram os seus negócios

Saber mais

Tendências

Atualidade e inovação: o que está a mudar no empreendedorismo

Saber mais

Guias Fiscais

Datas de entregas de documentos e obrigações de pagamento de impostos

Saber mais

Notícias

Últimas novidades sobre o universo do Empreendedorismo

Saber mais