Empreendedorismo

Cor & Branding


HTML Editor - Full Version

A Coca-Cola é vermelha, o Facebook é azul, a B.P. é verde. Todas estas empresas compreendem a importância da cor para criar uma imagem positiva nos consumidores.

 

Ao estimular os sentidos, convém uma imagem e mensagem imediata sem igual noutro qualquer método de comunicação.

 

Por isso, é crucial escolher bem a cor dominante da sua empresa, do espaço da sua loja ou da sua campanha de marketing.

 


Azul: percebido como confiável, seguro, fiscalmente responsável e seguro. Associado ao céu e ao mar, é sereno e universalmente apreciado. O azul é uma cor especialmente popular junto de instituições financeiras pela sua mensagem que inspira estabilidade e confiança.

 

Vermelho: ativa a glândula pituitária, aumentando a sua frequência cardíaca que o leva a respirar mais depressa. Esta resposta visceral torna o vermelho numa cor agressiva, enérgica, provocativa e que chama a atenção. É particularmente bom para evocar uma resposta apaixonada, embora nem sempre favorável - por exemplo, o vermelho pode representar perigo ou endividamento.

 

Verde: em geral, verde conota saúde, frescura e serenidade. No entanto, o significado do verde varia de acordo com as suas tonalidades. Verdes mais profundos estão associados com a riqueza ou prestígio, enquanto verdes claros são calmantes.

 

Amarelo: associado com o sol, comunica otimismo, positivismo, luz e calor. Alguns tons parecem motivar e estimular o pensamento criativo e energia. Adicionalmente, vale a pena destacar que o olho vê amarelos brilhantes antes de qualquer outra cor, tornando-os grandes candidatos para displays de ponto-de-venda (ex: uso para destacar promoções ou saldos).

 

Preto: sério, ousado, poderoso e clássico. Cria drama e conota sofisticação. Por um lado, funciona bem para produtos mais dispendiosos ou de luxo, mas por outro também pode fazer um produto parecer demasiado pesado.

 

Branco: denota simplicidade, limpeza e pureza. O olho humano vê-o como uma cor brilhante, de modo que imediatamente chama a atenção na sinalização. O branco é frequentemente utilizado em produtos infantis e relacionados com a saúde.

 

Laranja: evoca a exuberância, diversão e vitalidade. Juntando o drama do vermelho e o ânimo do amarelo, é uma cor vibrante, cheia de energia, associada ao social e às crianças.

 

Roxo: conotada com a criatividade, a mistura de vermelho e azul evoca ainda mistério, sofisticação, espiritualidade e realeza.

 

Rosa: o significado do rosa varia com a sua intensidade – uma cor mais forte transmite energia, juventude e diversão e é recomendada para produtos mais baratos para mulheres ou raparigas. Rosas mais leves podem ser conotados com romantismo e sentimentalismo.

 

Castanho: a cor da terra transmite simplicidade, durabilidade e estabilidade. Todavia, também pode provocar uma resposta negativa dos consumidores que tomam a cor como algo sujo sendo muito difícil de conjugar com sucesso, por exemplo, a nível publicitário.

 


Outras observações
- O branco, preto, prateado e dourado são especialmente indicados para acentuar o sentido de glamour e sofisticação;
- Muitos restaurantes optam por usar o vermelho como cor dominante, por se acreditar que estimula o apetite (ex: McDonalds, KFC, Pizza Hut);
- Uma combinação de lavanda, rosa e branco é uma grande ajuda para segmentar o mercado feminino;
- O azul é uma cor muito usada em grandes empresas porque conota produtividade e não é uma cor invasiva.

 

 

ARTIGOS RELACIONADOS

Branding

 

Guias Práticos

Ideias e guias sobre tudo o que precisa de saber para criar um negócio

Saber mais

Casos de sucesso

Empreendedores de sucesso explicam como nasceram os seus negócios

Saber mais

Notícias

Últimas novidades sobre o universo do Empreendedorismo

Saber mais

Agenda

Eventos na área do Empreendedorismo

Saber mais