Frases que deve evitar enquanto empreendedor


Enquanto empreendedor é importante passar uma imagem de profissionalismo e de conhecimento, no entanto, se não estiver com atenção pode acabar por partilhar algumas expressões ou fazer comentários que levem quem o rodeia a questionar-se sobre o seu profissionalismo, algo que deve evitar ao máximo.


Não é justo

Esta é uma frase que proferimos especialmente quando um projeto que estava a correr bem, começa a correr mal. Quando todo o seu esforço e o da sua equipa parece ter sido em vão. Contudo, a vida não é justa e como adulto deveria saber disso. Dizer que “não é justo” é algo esperado mais de uma criança ou de alguém com pouca experiência, que ainda acredita que a vida é sempre justa e que nada pode correr mal. Aprenda a aceitar que as coisas correm mal e que quando isso acontece, deve compreender o que aconteceu e encontrar soluções para evitar que tal aconteça novamente.


Sempre foi assim

É verdade que se algo resultou antes tem uma grande probabilidade de resultar agora, porém, isto pode não ser necessariamente verdade especialmente no mundo do empreendedorismo. Dizer somente que “sempre foi assim, por isso, é assim que fazemos” mostra algo terrível em si: a incapacidade de aprender, de se adaptar, e de se modernizar. O modo como trabalhamos agora não é igual ao de há dez anos atrás e não será o mesmo daqui a uma década pois a cultura e as novas tecnologias estão em constante mudança. Pode usar os resultados do seu último projeto como base para o novo mas esteja sempre atento a novas formas de atuar se não deseja acabar ultrapassado.


Tenho uma pergunta parva...

Se a pergunta é parva não a faça. Se a pergunta é baseada em problemas anteriores, uma ideia que pode resultar ainda que nunca tenha sido feita, ou outra questão inspirada nos seus conhecimentos e em factos, então coloque-a. Dizer que vai fazer “uma pergunta parva” transmite a ideia de que vai “mandar algo para o ar” sem ter realmente pensado nela, sem levar o problema a sério. Ainda que seja uma pergunta inocente, pode levá-lo a ser visto negativamente por quem o rodeia.


Não vou aceitar porque não é da minha área

Se quer sobreviver no mundo do empreendedorismo então terá de aprender rapidamente a aceitar que por vezes terá de executar tarefas que não são exatamente da sua área. Uma das grandes mais valias de qualquer funcionário é não só a de ter uma grande experiência na área como estar à vontade para aprender novas tarefas, adaptando-se às necessidades da empresa que representa. Quando lhe pedirem para fazer algo que não esteja no seu currículo, mostre-se interessado em adicionar essa mais valia.


Não gosto deste emprego

A primeira coisa que a sua equipa e a sua chefia irão pensar quando ouvem “não gosto deste trabalho” é de que não está a trabalhar corretamente mesmo que isto não seja verdade. Uma afirmação destas coloca em causa a saúde da cultura da empresa e pode indicar que as suas tarefas não estão a ser executadas corretamente, colocando em causa o trabalho de todos, e levando-o a ser despedido em casos mais extremos.


No local de trabalho ou nas redes sociais, tenha extra-atenção ao que diz pois na realidade você continua a ser analisado mesmo fora do local de trabalho e o mais pequeno deslize pode custar-lhe a sua carreira.


OUTROS ARTIGOS:

Ajude o planeta e descubra como substituir o papel na sua empresa

Cuidados a ter quando se deseja expandir internacionalmente


Casos de sucesso

Empreendedores de sucesso explicam como nasceram os seus negócios

Saber mais

Guias Práticos

Ideias e guias sobre tudo o que precisa de saber para criar um negócio

Saber mais

Guias Fiscais

Datas de entregas de documentos e obrigações de pagamento de impostos

Saber mais

Notícias e Eventos

Últimas novidades sobre o universo do Empreendedorismo

Saber mais