Networking: Ciência explora o que o torna “aborrecido”

A ciência explica-lhe possíveis razões para ter dificuldade em criar uma boa rede de networking

27 de março de 2022


Aumentar a sua rede de networking não é fácil, em especial se tiver problemas em se comunicar. A timidez ou a ansiedade social podem tornar-se num obstáculo difícil de ultrapassar e, por vezes, você poderá nem ter noção de que a sua estratégia de aproximação não está a resultar. Como resposta, Wijnand A. P. van Tilburg, Eric R. Igou, e Mehr Panjwani desenharam uma experiência para tentar perceber cientificamente, o que nos torna aborrecidos para quem nos rodeia.


O estudo intitula-se “Boring People: Stereotype Characteristics, Interpersonal Attributions, and Social Reactions”, e foi liderado por Wijnand Van Tilburg, da Universidade de Essex, e contou com mais de 500 participantes, cujos tiveram a função de ordenar as características, os hobbies, e os empregos que acham mais aborrecidos.


Características de personalidade

Não ter sentido de humor, estar sempre cansado, não demonstrar emoção, não possuir uma opinião própria sobre os assuntos discutidos (concordam sempre com o que a maioria escolhe), ser demasiado negativo, e arrogante estão no topo das características que o tornam numa pessoa “aborrecida”.


Profissões menos interessantes

Contabilista, analista, bancário, e matemático estão entre as profissões tidas como as “mais aborrecidas”, mas ainda há espaço para profissionais que trabalhem em escritório, lojistas, e secretárias. No canto oposto, estão cientistas, artistas, jornalistas, e professores.


Ocupações ou hobbies menos apreciados

Se tem como hobby jogos videojogos, ler, jardinar ou escrever, então possivelmente quem o rodeia irá vê-lo como uma pessoa algo interessante. Pelo contrário, se entre os seus passatempos está dormir, ver televisão, observar pássaros, fazer matemática ou estudar, então conseguir criar boas relações de trabalho pode ser mais complexo.


Ainda que seja possível adotar passatempos tidos como interessantes, a realidade é que pouco pode fazer se se identificar como alguém que tem poucas chances de ser visto como cativante. Porém, perceber como o outro o vê, irá ajudá-lo a fazer as adaptações necessárias. Aprender a falar melhor, contar anedotas ou obter conhecimentos em várias áreas para poder participar em conversas variadas, são pequenos truques que pode adotar para aumentar a sua rede de networking.



Casos de sucesso

Empreendedores de sucesso explicam como nasceram os seus negócios

Saber mais

Guias Práticos

Ideias e guias sobre tudo o que precisa de saber para criar um negócio

Saber mais

Guias Fiscais

Datas de entregas de documentos e obrigações de pagamento de impostos

Saber mais

Notícias

Últimas novidades sobre o universo do Empreendedorismo

Saber mais