Como criar um bom relatório de performance


Optar por realizar relatórios de performance da sua equipa pode ser um instrumento simples e eficaz de apontar o que poderia ser melhorado e de parabenizar o que está a ser bem feito. No entanto, um relatório mal executado pode ter mais consequências negativas do que positivas, desencorajando a equipa ou fornecendo conclusões falsas e que em nada ajudam a melhorar.


Honestidade acima de tudo

É importante saber parabenizar quando um objetivo é ultrapassado ou quando certa tarefa foi concluída de forma exemplar. Não tenha receio de congratular quem merece com medo do que a restante equipa pode dizer ou pensar. Por outro lado, não deixe de apontar o que deve ser melhorado pois essa é a única forma de crescer.


Não deixe de falar com os avaliados

Por muito que a avaliação venha em modo de relatório, deve sempre ter uma breve reunião onde discute cara-a-cara tudo o que está no relatório. Por vezes, o tom deste documento pode ser demasiado rígido sem que o deseja e, por outro lado, uma reunião permite ao outro colocar questões importantes sobre o seu desempenho. Mais do que um “apontar o dedo”, o relatório deve ser uma conversa aberta.


Baseie-se em facto e não opiniões

Se acredita que o profissional se tem atrasado a entregar o seu trabalho, refira exemplos reais de dias concretos em que tal aconteceu. Caso contrário poderá acabar por escrever um relatório sobre o que acha que aconteceu ou sobre o que alguém lhe disse que aconteceu. Deste modo, irá igualmente mostrar ao profissional que fez o seu trabalho e que de facto o estudou pormenorizadamente.


Ofereça alternativas e soluções

Quando falar sobre os erros ou o que poderia ser melhorado, mencione sempre formas de o fazer de facto, mostrando que está realmente interessado no crescimento e na evolução do profissional. Indique cursos em que pode participar ou outros colegas com os quais pode tirar dúvidas sempre que necessário. Apontar as falhas de nada serve se o profissional não souber como as ultrapassar.


Dados que já tenham sido mencionados

Especialmente quando falamos de críticas, é importante que o profissional não seja surpreendido pela negativa, vendo críticas ao seu trabalho que nunca lhe foram comunicadas pelas chefias. Se o profissional está a desempenhar mal a sua função deve falar com ele assim que possível, corrigindo o comportamento (muitas vezes inconsciente ou involuntário) o mais depressa possível.


Lembre-se que estes relatórios são importantes para perceber qual a produtividade de cada membro da sua equipa, assim como para ajudar o outro a perceber qual o melhor caminho a seguir e o que pode e deve repensar ou reavaliar.


OUTROS ARTIGOS:

Podcast: Construa um programa de sucesso

Como evitar chegar atrasado aos compromissos


Casos de sucesso

Empreendedores de sucesso explicam como nasceram os seus negócios

Saber mais

Tendências

Atualidade e inovação: o que está a mudar no empreendedorismo

Saber mais

Guias Fiscais

Datas de entregas de documentos e obrigações de pagamento de impostos

Saber mais

Notícias

Últimas novidades sobre o universo do Empreendedorismo

Saber mais